SUPER CULTURE

A NOVA CULTURA DO INDIVÍDUO

Embora a nossa época se caracterize pelo desenvolvimento de uma nova economia de mercado, também somos testemunhas duma nova época de individualismo. EstaT não é, evidentemente, uma invenção recente. Em ruptura frontal com a ideologia das civilizações precedentes, organizadas de maneira holista e com um fundamento sagrado, o individualismo é um sistema de valores que instala o indivíduo livre e igual como valor central da nossa cultura, como fundamento da ordem social e política.

[…]

A CULTURA MUNDO COMO CIVILIZAÇÃO

A hipermodernidade toma forma sobretudo na urbanização excrescente do mundo. Estamos na época das megalópoles, das hipercidades tentaculares que congregam milhões de indivíduos e que, longe dos bairros centrais e ricos, geram periferias e subúrbios explosivos, uma vez que as cidades são o horizonte de vida dos seres humanos de todo o planeta.

[…]

O mundo é uma aldeia global, dizia McLuhan; o mundo é uma cidade global, poderíamos dizer nós a partir de agora.


Gilles Lipovetsky + Jean Serroy ›
A cultura-mundo - Resposta a uma sociedade desorientada, 2008